Platinum Visage
Você precisa fazer um diagnóstico capilar!
07/10/2018
Tudo que você precisa saber sobre depilação a laser
30/10/2018
Mostrar tudo

O que é o Olaplex?

Você já deve ter visto ou ouvido falar da nova moda entre as celebridades: o Olaplex ou os produtos de cabelo com a tecnologia Plex.

O Olaplex protege a fibra capilar, tornando-a mais forte e resistente a agente externos, sobretudo a química da descoloração.

Essa é a nova aposta da indústria da beleza e vem ajudando (e muito) os profissionais de salão a cuidarem das madeixas de suas clientes.

Se você deseja saber tudo sobre o Olaplex e como ele pode te ajudar, não perca este post!

Afinal, o que é e para que serve o Olaplex?

Os descolorantes utilizados para clarear os cabelos acabam abrindo a cutícula do fio, processo necessário para retirar a pigmentação. Neste processo, pode ocorrer a degradação das cadeias de queratina.

Quando o Olaplex é misturado juntamente ao produto descolorante, ele age fortificando as pontes proteicas, fazendo com que elas não se rompam e, consequentemente, impossibilitando que o cabelo se quebre.

O que ocorre é que os componentes da fórmula do Olaplex agem em uma velocidade maior que os químicos da água oxigenada, barrando os agentes externos de destruírem os fios. Isto é, a tecnologia Plex age mais rapidamente que o oxigênio presente na água oxigenada (utilizada nas descolorações); os componentes da fórmula se juntam às ligas proteicas do cabelo, tornando-o mais forte.

Então, quando a água oxigenada vai agir quebrando as pontes saudáveis do cabelo, o ativo do Olaplex já agiu antes, deixando a fibra do cabelo mais forte e resistente, mantendo a integridade do fio e deixando apenas a perda de pigmentação acontecer, sem prejuízo e perda de massa do cabelo. Assim, a descoloração se torna menos agressiva, o cabelo não fica tão ressecado e nem tão poroso.

O sucesso do Olaplex se deve à sua formulação, tecnologia e sobretudo, ao seu princípio ativo, um molécula chamada Bis-Aminopropyl Diglycol Dimaleate que é patenteada e reduz em até 94% a quebra dos fios. Incrível, né?

Como esperado, várias outras marcas investiram em pesquisas para desenvolver um componente parecido e um produto com função semelhante, sendo assim, é possível encontrar produtos similares, de marcas excelentes, com resultados tão bons quanto o original.

Alguns fabricantes acrescentaram óleos diversos, outros proteínas, mais vitaminas, ômegas, polifenóis, colágeno, algas marinhas, protetores, ativos botânicos etc. Existe uma infinidade de compostos que podem ser utilizados em conjunto para conseguir resultados ainda melhores.

Alguns produtos vão além e ainda aceleram o processo de descoloração, fazendo com que o cabelo atinja tons mais claros mais rapidamente e com menos desgaste. Ainda, existem produtos que são indicados para outros tratamentos químicos, como relaxamento, alisamento, progressiva, escova definitiva etc.

Como surgiu o Olaplex?

Dean Christal é um empresário que, juntamente com mais dois cientistas, Dr. Craig Hawker e Dr. Eric Pressly, desenvolveram uma molécula revolucionária para o mundo da beleza.

O produto ganhou o mercado dos EUA, Inglaterra e teve a própria Kim Kardashian como embaixadora, comprovando os resultados da criação, e fazendo-o ainda mais famoso. Outra super celebridade que também aprovou foi Jennifer Lopez, quando sua cabeleireira Tracey Cunningham a apresentou.

A verdade é que quando o produto chegou ao Brasil, em 2015, já havia várias mulheres querendo usar para se beneficiar dos cuidados milagrosos do Olaplex.

Como falamos anteriormente, a fórmula original conta com o princípio ativo, o Bis-Aminopropyl Diglycol Dimaleate, além de ser livre de sulfatos, silicones, DEA e aldeídos. O Olaplex original também não é testado em animais. Muita novidade boa para um único produto, não é mesmo?

Como funciona o Olaplex?

A primeira linha Plex, o Olaplex original que foi patenteado, é composta por um kit de três produtos. O primeiro, como você viu, é misturado no pó descolorante, agindo antes da água oxigenada e impedindo que as pontes do cabelo se rompam.

O segundo passo, usado após o cabelo ser descolorido, é o neutralizador de pH. Esta etapa devolve maciez e flexibilidade ao fios, reduzindo ainda mais a elasticidade e diminuindo drasticamente a chance de quebra.

Ele conta ainda com um terceiro produto de manutenção para ser usado em casa. Este último passo cria uma barreira que protege o fio de outros diversos agentes externos. Contudo, nem todos os produtos com tecnologia Plex contam com este terceiro passo de cuidado em casa.

Então, todo mundo pode fazer mechas e tratar o cabelo quimicamente, desde que use o Olaplex?

A verdade é que o Olaplex ajuda muito a manter a saúde dos fios e previne com sucesso que o cabelo se quebre ou danifique. Contudo, se você já está com os cabelos fracos, porosos, ressecadas e sobretudo, quebradiços, a tecnologia não fará milagres. Em cabelos muito danificados, mesmo sendo utilizado o Olaplex, quebras e efeitos indesejados no geral podem ocorrer.

O ideal é que esses cabelos sejam tratados previamente, até que o cabelo ganhe força suficiente para não quebrar com a química. É recomendado que os fios sejam hidratados, nutridos e reconstruídos antes de passar por um processo químico.

O fato é que muitos cabelos saudáveis se viam muito ressecados e até quebravam com as mechas ou luzes, neste caso, o Olaplex é perfeitamente eficaz.

O Olaplex e demais produtos com tecnologia Plex estão revolucionando o mercado da beleza e fazendo a cabeça das loiras. Contudo, nada substitui completamente o cuidado diário. Mesmo utilizando este produtinho mágico na hora da descoloração, ainda é necessário ter um profissional de confiança para te dizer exatamente do que seu cabelo precisa, se ele pode ser descolorido e até qual tom ele aguenta.

Gostou do nosso post sobre o Olaplex e produtos com tecnologia Plex? Quer ficar por dentro de mais novidades do mundo da beleza? Então, siga-nos no Facebook e Instagram! Estamos sempre cheios de conteúdos novos que você irá amar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *