Platinum Visage
Tudo que você precisa saber sobre depilação a laser
30/10/2018
12 fatores que contribuem para queda de cabelo
05/12/2018
Mostrar tudo

Entenda se o botox é indicado para você

Muitas mulheres que sonham com a pele lisinha e sem marcas de expressão estão recorrendo ao Botox.

Naturalmente, com o passar dos anos, as temidas rugas e a própria textura da pele tendem a piorar. Fatores como má alimentação, exposição solar e, sobretudo o tabagismo tendem a agravar o quadro.

Mesmo com botox ou com outros procedimentos estéticos, os cuidados com a pele devem ser diários.

Contudo, se as marcas de expressão ou as rugas já estão um pouco mais profundas, é possível (e aconselhável) realizar algum procedimento que retarde o envelhecimento. Um dos mais utilizados atualmente é o botox, pois seu preço é relativamente baixo, se considerado seus benefícios.

Se você está curiosa para saber mais detalhes sobre o botox, não deixe de acompanhar este post.

O que é o botox

A toxina botulínica, popularmente conhecida como botox, faz com que muitos pensem que os dois são sinônimos. Na verdade, Botox é o nome de uma marca que fabrica e comercializa a toxina botulínica. De tão conhecida, passamos a nos referir a ela como se fosse a própria substância.

A toxina botulínica é, na  verdade, produzida por uma bactéria chamada Clostridium botulinum e provoca uma doença chamada botulismo. O botulismo, além de outros sintomas, provoca a paralisia dos músculos e é considerada uma doença de alta gravidade. A pessoas pode contrair o botulismo se ingerir água ou alimento contaminado.

No entanto, quando utilizada em pequena escala, a toxina botulínica pode servir para o tratamento de doenças, além de trazer benefícios estéticos.

Em quantidades mínimas e em pontos específicos do rosto, o botox promove a paralisia controlada dos músculos da face. O que ocorre é que o botox age como uma bloqueador neuromuscular que impede que os estímulos dos neurônios cheguem aos músculos, impedindo a contração muscular.

A toxina botulínica e portanto, o botox servem para paralisar a região que é aplicada. Sendo assim, pode ser usada para atenuar rugas faciais, mas também tem diversas aplicações na saúde, como no tratamento de espasmos musculares, microcefalia, paraplegia etc.

Como funciona o botox

O procedimento conhecido como botox consiste na aplicação de toxina botulínica por meio de agulhas bem fininhas em pontos mais flácidos. A quantidade de pontos deve ser definida com o médico, de acordo com as preferências do paciente.

A toxina botulínica vem em frascos, em forma de pó, sendo necessário diluí-la em soro fisiológico. Ela é injetada na área a ser tratada com distância de 1,5 cm de um ponto para o outro.

A aplicação costuma levar de 30 minutos a uma hora e na grande maioria das vezes é feita em uma única sessão. Os efeitos costumam durar em torno de 6 meses e o resultado já pode ser percebido após 48 horas da aplicação.

A aplicação de botox é um procedimento simples, praticamente indolor e muito rápido. Não são necessários cuidados específicos nem antes e nem depois do procedimento e também não apresenta risco à saúde, desde que o profissional que fará esteja devidamente capacitado.

Em relação a ação do botox, seu benefício pode se dar de duas maneiras:

1- Ação Preventiva: ainda não existem rugas ou, se existem, são bem finas e quase imperceptíveis. A contração muscular é paralisada com a aplicação do botox, impedindo a movimentação muscular e assim a formação de rugas mais profundas;

2- Ação Reparativa: como o botox tira a tensão da musculatura, as rugas, causadas por esses músculos, são amenizadas.

Como os efeitos do procedimento costumam durar de 6 meses a 1 ano, este é o período que as pessoas costumam fazer os devidos retoques.

É importante salientar que o intervalo mínimo entre cada aplicação na mesma região deve ser de pelo menos três meses. Caso esse prazo não seja respeitado, pode se desenvolver uma resistência ao produto e o botox perde seu efeito.

Esteja atenta na hora de escolher o profissional que irá aplicar em você, para que não aplique quantidade demais da toxina botulínica e você acabe ficando com a aparência muito esticada, com aspecto artificial, e nem coloque uma quantidade pequena, de forma que o efeito fique praticamente imperceptível.

Esteja sempre atenta às condições da clínica, em relação a higiene e também ao histórico de procedimentos já feitos.

Desde que o botox seja realizado por um profissional adequado e com boa experiência, a aplicação é completamente segura. Contudo, como é aplicado por uma agulha, hematomas podem aparecer de forma natural. O que ocorre é que na introdução da agulha algum vaso pode ser perfurado e acabar com um pequeno sangramento local.

O produto em si não promove dor, apenas a introdução das agulhas bem finas que podem gerar desconforto. A sensação de dor em si depende da sensibilidade do paciente.

Como já falamos anteriormente, a aplicação de botox é simples e não exige muitos cuidados, contudo, o procedimento é contraindicado em casos bem específicos, fique atenta: mulheres grávidas e/ou que estão amamentando não devem se submeter ao tratamento. Pessoas que tem alergia a algum componente da fórmula do botox também não devem fazer, assim como pessoas com doenças neuromusculares ou com infecção no local da aplicação.

Locais possíveis de aplicação

Na maioria dos casos, a aplicação é feita no terço superior do rosto: na região lateral dos olhos (conhecido como os temidos “pés de galinha”), as linhas horizontais da testa e entre as sobrancelhas (região chamada glabela). Também é comum fazer para levantar as sobrancelhas e deixá-las mais arqueadas.

Em relação ao restante do corpo, muitas pessoas fazem no queixo, pescoço e até no colo para tratar e evitar flacidez. Também é possível realizar o procedimento nas mãos, pés e axilas para tratar a hiperidrose.

Na gengiva, é aplicado para disfarçar o sorriso gengival, que é quando a parte superior da gengiva aparece de forma desproporcional e desarmoniosa ao sorrir.

O botox também pode ser usado para tratar doenças e condições, como para aliviar sintomas de bruxismo (desordem funcional na qual a pessoa range muito os dentes enquanto dorme) ou no controle do blefaroespasmo, que consistem em fechar os olhos de forma vigorosa e descontrolada. Também ajuda na correção do estrabismo ocular, ajuda a diminuir diversos tipo de tiques nervosos, pode tratar a cefaleia tensional e até incontinência urinária causada pela bexiga nervosa.

Bônus: Preenchimento x Botox

O preenchimento facial consiste em aplicar geralmente ácido hialurônico para corrigir pequenas imperfeições. Esse método pode ser usado nos lábios, no “bigode chinês”, nas olheiras e até em sulcos da testa.

Diferentemente do botox, que enrijece e congela a musculatura do rosto, o preenchimento aumenta o volume de determina área facial. Por isso, a indicação de qual procedimento é o ideal varia e o ideal é sempre consultar um profissional capacitado.

E aí, gostou do nosso post sobre botox? E você já fez algum procedimento estético? Conta pra gente como foi nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *